Domingo, 25 de Novembro de 2007

Procuro o horizonte

Procuro o horizonte.

Avisto-o.

Contemplo-o.

Aterrorizo-me!               

 

O temporal aproxima-se.

Luz, ruído e água

absorvem-me e devoram-me velozmente.

 

Tropeço. Caio.

Não me volto a erguer.

 

 

 

música: Evidências

Sentido por Angel of Obscurity às 00:23
link do post | Comentar | interioriza o meu sentir
3 comentários:
De D4rkSkull a 25 de Novembro de 2007 às 01:10
que saudades de passar por aqui.

adoro =)


De MoonLight a 25 de Novembro de 2007 às 08:00
Voltas sim, Angel.
Estou aqui a dar-te a mão. Não ficas caído.
Toma... estende a tua e aceita.
Bjs de Luz



De Monica a 7 de Dezembro de 2007 às 23:35
Parabéns pelo fantástico Blog que tens, excelentes poemas, belas músicas. Adorei a forma como escreves, consegues do negro da noite transmitir a maresia da manhã.
Nos meandros do meu ser te perscruto.

Um grande beijo


Comentar post

Me


Meu perfil

seguir perfil

. 24 seguidores

Abril 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


Sentires

Conquitas do tempo

'Le Moulin'

oásis

!!!

Esperança: luz à saída do...

O manto..

Conflito(s)

ReErguendo a esperança

(...)

A vontade de querer…

Confusão..

about the despair on the ...

Caminho..

História(s)

Lembranças

Abril 2017

Setembro 2016

Julho 2012

Janeiro 2012

Julho 2011

Março 2011

Janeiro 2010

Outubro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Maio 2008

Abril 2008

Fevereiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Antigos companheiros